Sensor Seguidor Linha Trilha Line Track Faixa Arduino

> SKU: A183
Calcular Frete
Forma de Envio Custo Estimado

R$9,00

91 em estoque

Em até 6x de R$1,50 sem juros

Descrição

O Módulo Sensor Seguidor Linha Faixa foi desenvolvido para aplicação em projetos robóticos e é principalmente aplicado no desenvolvimento de projetos de “ robôs seguidores de linha ”.

 

Sensor Seguidor Linha

 

Os “ robôs seguidores de linha ” são projetos que funcionam a partir de linhas pretas demarcadas no chão.

Desde que o chão seja totalmente branco, ou de linhas brancas, desde que o chão seja totalmente preto.

O robô seguirá estas linhas que definirão o trajeto a ser seguido graças ao Sensor Reflexivo Infravermelho. O Módulo Sensor Reflexivo Infravermelho é baseado em 1 transmissor e 1 receptor infravermelho que emitem e receptam sinais luminosos

Possibilitando, deste modo, a identificação do trajeto, por meio de linhas predemarcadas. Aplicável a uma variedade de plataformas incluindo para Arduino/AVR/ARM/PIC

 

Características

  • Tensão de funcionamento: 5 V
  • Detecta a distância refletidas: 1mm ~ 25mm aplicável
  • Formato de saída: sinal digital (0 e 1)
  • Tamanho da placa PCB: 3,5 cm x 1 cm
  • Furo passante fixo para fácil instalaçã

 

Acompanha

  • 1 x Sensor TCRT5000 Seguidor Linha Trilha Line Track Faixa

 

O que é Arduino?

Arduino, é uma plataforma de prototipagem eletrônica de hardware livre e de placa única, projetada com um microcontrolador Atmel AVR com suporte de entrada/saída embutido, uma linguagem de programação padrão, a qual tem origem em Wiring, e é essencialmente C/C++.

Pode ser usado para o desenvolvimento de objetos interativos independentes. Ou ainda para ser conectado a um computador hospedeiro.

Uma típica placa Arduino é composta por um controlador, algumas linhas de E/S digital e analógica, além de uma interface serial ou USB, para interligar-se ao hospedeiro, que é usado para programá-la e interagi-la em tempo real.  Ela em si não possui qualquer recurso de rede, porém é comum combinar um ou mais Arduinos deste modo, usando extensões apropriadas chamadas de shields.

A interface do hospedeiro é simples, podendo ser escrita em várias linguagens. A mais popular é a Processing, mas outras que podem comunicar-se com a conexão serial são: Max/MSP, Pure Data, SuperCollider, ActionScript e Java. Em 2010 foi realizado um documentário sobre a plataforma chamado Arduino: The Documentary.