Curiosidades: Conheça os Modelos de Raspberry Pi Deixe seu comentário

Conheça os Modelos de Raspberry Pi e o primeiro modelo a ser lançado. Foi em 29 de Fevereiro de 2012, que desencadeou o original 256 Raspberry Pi Modelo B.

O Pi Foundation framboesa cresceu de vários voluntários em tempo integral, incluindo.

Com a chegada da Raspberry Pi 3, a Raspberry Pi Foundation coloca no mercado o computador mais poderoso entre os já lançados pela fundação. No entanto a linha de placas com o nome Raspberry Pi é mais variada. E conta com produtos mais baratos, mais antigos ou mais simples.

Antes de entrar em detalhes, é interessante entender a nomenclatura aplicada pela Raspberry Pi Foundation em suas criações. As versões com o nome “Model B” referem-se aos computadores mais capacitados da geração. O sinal “+” representa que o produto é uma revisão da versão original. “Model A” é o nome dado para as versões de entrada, mais simples, mas nem sempre mais baratas. Por fim, o “Zero” aparece apenas no Raspberry Pi mais barato.

Conheça os Modelos de Raspberry Pi – Raspberry Pi 1 Model B+

Model B+ é um remanescente da 1ª geração do Raspberry Pi 

Lançada em julho de 2014, essa é a placa mais antiga disponível no momento e tem suas origens na primeira versão do computador. O módulo funciona com um processador Broadcom de núcleo único e 700 MHz, o mesmo presente em todos os Raspberry Pi lançados até novembro de 2014, e conta com 512 MB de memória RAM no antigo padrão DDR2.

Para ligar periféricos e hardware diversos, a placa conta com interface GPIO de 40 pinos. Há quatro portas USB 2.0, saída HDMI, slot para cartão de memória do tipo microSD, baixo consumo de energia (entre 0,5 e 1 watt) e saída de som P2. O modelo também tem Ethernet, interface para câmera e tela, além de saída de som P2.

O Raspberry Pi 1 Model B+ é uma revisão do primeiro computador do tipo criado pela fundação. Por conta disso, o hardware oferecido nessa versão já é um pouco datado, mas pode fazer sentido em aplicações menos ambiciosas e em projetos mais simples, que não exijam muito processamento e memória.

Conheça os Modelos de Raspberry Pi

 

Conheça os Modelos de Raspberry Pi  – Raspberry Pi 1 Model A+

Model A+ é versão menor e revisada do computador de entrada da 1ª geração 

Alternativa criada como revisão da versão mais acessível do Raspberry Pi original, o A+ roda com o mesmo processador usado nos primeiros Raspberry Pi, mas tem a limitação de restringir a memória em apenas 256 MB, que precisam ser compartilhados entre CPU e processador gráfico.

Lançada em novembro de 2014, a placa também economiza em relação às possibilidades de conexão com acessórios e periféricos. Em relação às interfaces de expansão, há porta GPIO de 40 pinos e apenas uma USB 2.0. Há saída de vídeo HDMI e para som tipo P2, além de slot para cartão de memória no formato microSD.

Muito mais simples, a Model A+ de primeira geração é a placa Raspberry Pi mais simples disponível no mercado. Mais antiga e menos poderosa, é um pouco difícil de encontrar e tem preços que oscilam perto dos R$ 100.

Como o hardware é bem simples, a Model A+ é uma alternativa interessante para quem precisa de um grande volume de placas para uso no ensino, ou para a aplicação em projetos bastante simples.

Conheça os Modelos de Raspberry Pi

Conheça os Modelos de Raspberry Pi – Raspberry Pi Zero

Pi Zero é um computador de US$ 5, extremamente pequeno e simples

Esse modelo foi criado para custar US$ 5 e é, de longe, o computador mais simples já lançado pela fundação. Apesar de criada para ter preço mais baixo e ter metade do tamanho da Model A+, essa placa acaba dispondo de hardware mais poderoso.

O processador é um single-core de 1 GHz (diante do único núcleo da Model A+ a 0,7 GHz). Em relação a memória, são 1 GB (contra apenas 256 MB da Model A+) e há saída microHDMI com capacidade para transmitir vídeo a 1080p e 60 quadros por segundo.

As limitações dessa versão são causadas pelo próprio tamanho do computador. Com pouco espaço, portas USB tiveram de ser sacrificadas: há apenas uma, no formato microUSB. O slot para cartão microSD e saída de som são mantidas.

Na prática, a Zero compete diretamente com a A+, embora seja consideravelmente mais barata.

Conheça os Modelos de Raspberry Pi

Conheça os Modelos de Raspberry Pi – Raspberry Pi 2 Model B

Model B da 2ª geração é fácil de ser encontrado no Brasil

A segunda geração dos computadores compactos criados pela fundação tem diferenças consideráveis, quando comparada aos modelos anteriores. O grande destaque é o uso de um processador de quatro núcleos e com 900 MHz, que roda acompanhado de 1 GB de memória RAM.

A placa oferece um conjunto de portas e interfaces igual ao apresentado na placa antecessora. A Raspberry Pi 1 Model B+: GPIO de 40 pinos; um total de quatro portas USB; interface Ethernet; HDMI, saída de som; interfaces de câmera e tela. Além de slot para cartão de memória microSD.

Até o lançamento da terceira geração, esse computador era o mais interessante em termos de hardware, entre os produzidos pela Raspberry Pi Foundation.

O hardware mais poderoso, beneficiado especialmente pelo processador de arquitetura mais recente. Faz da versão um PC completamente compatível com sistemas operacionais mais conhecidos, como Windows, Ubuntu (versão Snappy) e Android.

Mais versátil e poderoso, o Raspberry Pi 2 Model B é alternativa para quem precisa rodar aplicações mais exigentes, ou busca criar projetos que dependam do suporte de sistemas operacionais mais amigáveis.

Conheça os Modelos de Raspberry Pi

Conheça os Modelos de Raspberry Pi – Raspberry Pi 3 Model B

Computador da 3ª geração ganha reforço no processador e nas redes sem fio embarcadas

O Model B da terceira geração se destaca pelo aumento de performance e a tecnologia embarcada. O processador sobe a 1.2 GHz, mantendo os quatro núcleos, e é capaz de trabalhar em 64 bits. A RAM continua em 1 GB.

Conheça os Modelos de Raspberry Pi

Onde Comprar

Na loja da Tecnotronics você encontra, Raspberry, eletrônicos e ferramentas. Os preços são ótimos, a agilidade é matadora e as entregas são feitas para todo o Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *